5 ferramentas de Marketing Digital para Pequenas Empresas

5 ferramentas de Marketing Digital para Pequenas Empresas

Sabemos que para pequenas empresas, todo o investimento precisa ser muito bem analisado. É preciso estruturar um plano com o maior cuidado possível e estudar para se certificar de que não é uma má ideia. 

Neste estudo, é preciso ter bons recursos, mas com um valor baixo para que a empresa consiga dar conta. 

Felizmente, existem diversas ferramentas disponíveis no mercado com baixo custo – e às vezes gratuitas, para te ajudar na implantação do Marketing Digital na sua empresa. 

Por isso, separamos as 5 principais ferramentas que podem vir a te ajudar com os resultados. Continue lendo este artigo e se descubra quais são. 

andrelobo.net.br - Blog - Parceria Ideal Odonto - Pequenas Empresas - 2020 10 17

Por que utilizar essas ferramentas? 

Dentro do Marketing Digital existem diversas estratégias, como definir palavras-chave, criar cronograma de postagens, fazer anúncios, analisar e otimizar métricas. 

Mas fazer tudo isso de forma manual não é uma tarefa fácil e nem sempre, irá gerar bons resultados quanto com o uso de ferramentas específicas. 

Com o auxílio da tecnologia, existem diversas opções a serem utilizadas não somente por grandes empresas, mas também para as de pequeno porte. 

Existem ferramentas para todas as finalidades e gostos. Mas as que separamos para você são as que são mais utilizadas entre as empresas e que geram maior resultado. 

Vale ressaltar que ao utilizá-las, a sua empresa estará economizando tempo ao automatizar algumas tarefas e também, irá crescer exponencialmente. 

Conheça as principais ferramentas de Marketing Digital 

A partir de agora, você irá conhecer de fato, quais são as ferramentas que você pode fazer uso em sua empresa. Vamos lá? 

  1.  Google Analytics

O Google Analytics é uma das ferramentas mais utilizada pelas marcas. Através desta plataforma, é possível monitorar o tráfego do seu site, e-commerce e até mesmo, aplicativo.

É possível analisar todos os relatórios de desempenho das suas estratégias de comunicação e também, entender quais são as necessidades de sua empresa.

Confira alguns dos dados que você pode ter acesso através desta ferramenta: 

  • Número total de visitantes e qual o tempo de permanência;
  • Qual tema que a sua persona tem mais interesse;
  • Por qual canal o seu cliente está chegando até você;
  • Qual rede social está tendo melhor desempenho;
  1.  Hubspot 

Já imaginou otimizar o tempo que você leva hoje para pesquisar palavras-chave e formando novas técnicas de SEO? 

Através do Hubspot, isso é possível. Esta é uma ferramenta muito utilizada pelas empresas para realizar algumas estratégias como Inbound Marketing. 

Ela é aceita pelos empreendedores por ser de fácil uso e com resultados surpreendentes. 

Imagine que você possui uma empresa de venda de convênios odontológicos e deseja aumentar o tráfego e número de clientes. 

Essa com certeza, é uma ótima saída para você e sua empresa. 

  1. Mailchimp

O uso de e-mail marketing está fortemente presente em diversos planos de comunicação. Afinal, diferente do que muitos acham, o e-mail ainda é um forte método de atração. 

Através do Mailchimp, é possível criar e gerenciar campanhas de e-mails personalizadas e ótimos layouts. 

Dessa forma, os seus clientes terão uma melhor experiência com a sua empresa. Sabe aquele e-mail branco com um bloco de texto sem graça nenhuma? 

Esqueça isso! 

Mesmo em sua versão gratuita, já é possível utilizar esses recursos e após o disparo, é possível recolher o report e analisar o desempenho. 

  1. Canva

Do que seriam as estratégias se não houvesse um bom material visual, não é mesmo? 

Uma ótima ferramenta de design é o Canva. Uma plataforma online de edição com templates pré-definidos, mas que também podem ser personalizados de toda e qualquer forma para que fique de acordo com a identidade visual da sua marca. 

Dessa forma, suas publicações serão mais atrativas e podem chegar à mais pessoas. Quer saber como? 

Imagine que você estava rolando o seu feed e de repente encontra uma boa arte sobre convênio dentário, certamente iria chamar a sua atenção e você pararia para ler mais a fundo, certo? 

  1. Keyword.io

Nossa última sugestão, mas não menos importante, é a Keyword.io. Uma ferramenta capaz de descobrir quais são as palavras-chave e os termos mais procurados pelas personas nos principais mecanismos de busca, como o Google. 

Utilizando ainda a área odontológica como exemplo, imagine que a maior parte das pessoas utilizam o termo “dentista convênio” a fim de encontrar algumas opções de plano odontológico

Através do Keynoword.io, você consegue descobrir exatamente quais são os termos que o seu público utiliza e fazer uso dessas palavras em posts e artigos para o seu site e também, redes sociais. 

Assim, você terá um melhor direcionamento ao fazer anúncios pagos e até mesmo, no momento em que for decidir quais serão as pautas trabalhadas naquele período. 

Considerações finais 

Agora que você já sabe quais são as principais ferramentas, é possível estudar cada uma e selecionar aquelas que fazem mais sentido para a sua empresa. 

Não importa o tamanho, grande ou pequena, toda empresa precisa de um bom Marketing Digital para estar presente no mercado. 

E somando uma equipe com profissionais especializados no assunto à boas ferramentas, certamente a sua empresa irá alavancar e ter uma boa relevância. 

Conteúdo produzido por Mayara Santos, redatora na empresa Ideal Odonto

Por que é Importante a Educação Empreendedora?

Por que é Importante a Educação Empreendedora?

A educação empreendedora surgiu quase como uma necessidade, diante do crescimento do mercado digital, bem como das facilidades em iniciar o próprio negócio.

Com isso mente é preciso entender porque a educação empreendedora vai te ajudar ou mesmo como dar início a esse conhecimento.

Então, descubra mais sobre educação empreendedora e a carreira de empreendedorismo para começar e impulsionar o seu negócio.

Vamos lá?

Vetor com pessoas com uma lâmpada no lugar da cabeça, porém quase todas com roupa iguais, com exceção de um, representando a descoberta da educação empreededora
Por que é Importante a Educação Empreendedora?

O que é educação empreendedora?

Para começar, vale a pena entender o que é educação empreendedora e todo o conceito por trás desse tema.

Ainda que a educação empreendedora no ensino fundamental seja a melhor ideia para preparar o público para o real futuro, você já deve saber que isso não acontece.

Devido a isso, esse tipo de conhecimento geralmente começa a partir da vida adulta, depois de muitos obstáculos e até problemas financeiros.

Assim, esse tipo de educação está ligado aos passos ou mesmo desafios encontrados para criar algo inovador ou mesmo como lidar com a parte administrativa.

Em suma, educação empreendedora é conhecer questões ligadas a como administrar, gastos e custos, empresas parceiras, organização e o que envolve criar.

É importante ressaltar que a educação empreendedora no ensino fundamental, geralmente, envolve questões como lidar com questões financeiras e alavancar a criatividade.

Já no quesito educação empreendedora e carreira envolve como colocar um plano de ação em prática.

Porque o empreendedorismo e educação empreendedora são importantes

Seguindo a linha, é preciso entender que existem diferentes pontos importantes relacionados a esse tema.

Em primeiro lugar, o empreendedorismo é de extrema importância para o avanço do mercado, economia e até para a independência financeira de cada um.

Em segundo lugar, a educação empreendedora é importante porque permite o seu crescimento no empreendedorismo e até na vida pessoal.

Foto de uma mesa com grupos de peças de madeira formando uma escada, e uma mão com dois dedos "subindo as escadas", simbolizando o crescimento pessoal a partir da educação empreendedora
Educação empreendedora – Crescimento pessoal

Em terceiro lugar, toda essa temática se trata de uma questão de avanço e crescimento contínuo, de maneira pessoal bem como profissional.

A educação empreendedora no ensino fundamental tem como importância preparar o jovem e o tirar da zona de conforto, formando pessoas que pensem fora do padrão – bom currículo – bom emprego – boa aposentadoria (que não existe há muito tempo).

Em suma, permite que você realmente busque aprender mais e crescer de forma independente, tirando você da fila comum.

Vale dizer que a educação tradicional comum é bastante criticada justamente por não preparar as pessoas para o futuro e fechar o avanço da criatividade.

Já na questão educação empreendedora e carreira, é preciso pensar que o ser humano está acostumado apenas a seguir o caminho mais simples.

Dessa forma, milhões de trabalhadores acabam ficando em escritórios e empregos que não gostam e não os satisfazem como pessoas, fazendo com que você esteja continuamente em um ciclo vicioso.

A educação empreendedora e carreira permite que você realmente veja e avalie as possibilidades, para buscar aquilo que quer, saindo da zona de conforto e, consequentemente, crescendo.

Além do mais, isso pode ser a melhor alternativa para lucrar mais e alcançar a independência Financeira.

5 passos para desenvolver a educação empreendedora

Pensando em ampliar as possibilidades, você que não teve educação empreendedora no ensino fundamental – aqui é o seu lugar.

Através de alguns passos bastante simples você pode colocar a educação empreendedora e carreira em ação.

1 – Saiba o que você gosta

O primeiro passo para desenvolver a educação empreendedora é saber o que você gosta e aquilo que acha que pode ser uma paixão para gerar lucros.

Foto de uma criança com uma mochila de foguetes nas costas, simbolizando a descoberta do que gosta de fazer para começar a empreender
Descobrir o que você gosta de fazer para empreender

Geralmente, a educação empreendedora no ensino fundamental, quando ensinada, permite que o jovem já saia da escola preparado para dar início ao empreendedorismo.

Quando isso não ocorre, comece com listas para avaliar quais são os seus sonhos, paixões e aquilo que você quer.

2 – Mantenha os pés na realidade

Um dos passos para ter uma educação empreendedora ou investir no empreendedorismo é entender e saber qual a sua realidade.

Assim, a sua jornada empreendedora se torna uma realidade com menores chances de erros e maiores possibilidades de sucesso.

3 – Valide as opções

Dentro daquilo que você especificou como uma possibilidade de empreendedorismo, valide quais são as melhores.

Com isso, você consegue buscar mais conhecimento sobre a área escolhida.

Vale ressaltar que educação empreendedora também significa estar continuamente buscando mais aprendizado.

4 – Converse com outras pessoas

Para que a educação empreendedora realmente te faça um empreendedor, pode ser necessário conversar com outras pessoas do ramo, garantindo que o empreendedorismo de sucesso aconteça.

Logo, a o Empreendedorismo pode envolver parcerias, seja para contatos de negócios ou mesmo para conhecer uma nova área ou ramo.

5 – Vá aos poucos

Aplicar a educação empreendedora abrindo o seu próprio negócio depende de uma continuidade no conhecimento e na ação.

Portanto, a regra é ir aos poucos, principalmente se você não teve uma educação empreendedora no ensino fundamental.

Benefícios da educação empreendedora

Foto de uma mulher sorridente, à noite, com um guarda-chuva com lâmpada acesas, simbolizando o benefício da educação empreendedora - criatividade
Benefícios da educação empreendedora

Agora, é chegada a hora de conhecer os principais benefícios da educação empreendedora.

Desenvolvimento humano

Um dos principais benefícios da educação empreendedora e, principalmente, do empreendedorismo se refere ao desenvolvimento.

Isso porque torna possível mais conhecimento e desenvolvimento econômico, pessoal, profissional e social.

Novas oportunidades

O empreendedorismo permite que você tenha novas oportunidades, tanto no campo de trabalho como nas relações.

Quando a educação empreendedora no ensino fundamental ocorre, aumenta as chances de os jovens saberem em qual área querem atuar e reduz o despreparo ou problemas futuros.

Já quando se trata de educação empreendedora para pessoa empregadas, é possível abrir novas chances de emprego, tirar você de uma área que não gosta e melhorar até a sua produção e vida financeira.

Autonomia e liberdade

Entre os principais benefícios do empreendedorismo ou mesmo da educação empreendedora é a chance de ser autônomo e alcançar a liberdade, principalmente no quesito financeiro.

Isso porque esse conhecimento permite que você conheça novas áreas, saiba e aposte em novos empregos e saia da chamada zona de conforto ruim, que é quando você não gosta do trabalho, mas continua por precisar do dinheiro.

O empreendedorismo permite que você busque ou crie novas opções para obter lucro.

A curto prazo, pode ser necessário intercalar trabalho comum com o ato de empreender, até estar mais estável.

Porém, em seguida, você pode sair daquele emprego que não aguenta mais e ser seu próprio patrão, o que garante autonomia e a tão sonhada liberdade.

Você inspira e aprende

Vetor com pessoas inspirando umas as outras
Inspira e aprende

Tanto a educação quanto o empreendedorismo permitem que você inspire nova pessoas a buscar uma nova carreira e vida, transmitir valores e também aprender.

Aprender tanto com os feedbacks de parceiros e públicos quanto os próprios acontecimentos ao longo da sua jornada.

Erros, fracassos e frustrações

Um dos grandes impactos da educação empreendedora no ensino fundamental é a chance de aprender a lidar mais facilmente com os obstáculos e erros.

Afinal, eles acontecem.

Da mesma forma, a educação empreendedora para pessoas empregadas, ao longo do tempo, permite que você lide melhor com os fracassos, que podem ocorrer.

A educação empreendedora facilita o processo de definir metas e sonhos, para buscar novos objetivos de vida mesmo diante de qualquer tipo de problema.

Assim, você se torna mais resiliente: aprendendo com cada tropeço.

Conclusão

Para finalizar, a educação empreendedora no ensino fundamental é ideal, mas quase nunca ocorre e daí a importância de ir além e transmitir isso para a sua carreira, depois de adulto.

O empreendedorismo é a chance de você crescer como pessoa e profissional, ter autonomia e alcançar os lucros que você quer ou mesmo dar início as suas metas e sonhos.

Então, ficou alguma dúvida? Comenta aqui embaixo para que eu possa lhe ajudar.

Até o próximo artigo!

Conceito de Empreendedorismo Digital: O Que é e Para Quem Serve

Conceito de Empreendedorismo Digital: O Que é e Para Quem Serve

Entender o conceito de empreendedorismo digital é essencial para conhecer a possibilidade de ganhar dinheiro pela internet e começar a mudar de vida.

Dessa maneira, é importante conhecer os benefícios do empreendedorismo digital no Brasil, o que é e para que serve.

Então, vem comigo descobrir tudo o que precisa conhecer e entender sobre o empreendedorismo digital.

Vamos lá?

Vetor com um notebook de costas e uma bola verde ao fundo com cifrões, representando o conceito de empreendedorismo digital
Conceito de Empreendedorismo Digital: O Que é e Para Quem Serve

Conceito de empreendedorismo digital – O que é

Entender o conceito de empreendedorismo digital é descobrir mais sobre o processo de criar e desenvolver uma ideia.

Basicamente, empreendedorismo digital pode ser definido como o processo de criar um negócio que vai funcionar de forma totalmente online.

Ainda existem algumas empresas que tem em mente o conceito de empreendedorismo digital como algo que acontece online e também fora da internet, o que pode ocorrer.

Entretanto, o conceito de empreendedorismo digital é focado em você atuar de forma total ou o máximo possível na rede.

Assim, o empreendedorismo digital tem como base a inovação de algo e pode ser de diversas formas e com diversos fins.

O foco do empreendedorismo digital é facilitar o lucro e permitir maior facilidade para trabalhar e atuar.

Geralmente, o conceito de empreendedorismo digital está cercado de benefícios, que e podem ser, por exemplo:

  • E-commerce ou lojas digitais (venda de produtos);
  • Portal de cursos (venda de infoprodutos);
  • Blog e sites com conteúdos (marketing de afiliado);
  • Serviços online, entre outros (consultoria).

Benefícios do empreendedorismo digital no Brasil

Depois de entender o conceito de empreendedorismo digital, é essencial entender porque essa pode ser uma alternativa.

Justamente por isso, os benefícios do empreendedorismo digital no Brasil mostram porque você deveria optar por esse tipo de negócio:

Foto de um homem apoiado em uma mesa com cadernr e notebook, escrevendo no caderno - pensando nos benefícios do empreendedorismo digital no Brasil
Empreendedorismo Digital no Brasil

Maior facilidade de criação:

Um dos destaques do empreendedorismo digital é a facilidade em começar o seu negócio, já que tem menos burocracias e é mais barato.

Isso traz a possibilidade de você começar a partir de agora, sem que seja necessário, em um primeiro momento, procurar intermediários ou parceiros.

Além do mais, você consegue descobrir os manuseios através da própria internet, seja com os diversos cursos pagos e gratuitos ou mesmo com os conteúdos disponibilizados em diversas plataformas, como este Blog. 🙂

Facilidade de acesso:

A internet é um campo gigantesco e que traz a possibilidade de conexão independe de onde você e os outros usuários estão localizados.

Sendo assim, a facilidade de acesso está entre os benefícios empreendedorismo digital no Brasil e no mundo.

É importante ressaltar que a facilidade de acesso possui duas principais vantagens para você, que quer investir no conceito de empreendedorismo, sendo eles:

  • Facilidade para você atuar;
  • Facilidade para os outros conhecerem você.

No primeiro ponto, você pode acessar o seu negócio online em praticamente qualquer lugar através de um computador, celular e outros dispositivos.

Logo, você pode acompanhar e lucrar em qualquer lugar.

Já o segundo ponto se refere ao campo de mercado, afinal, qualquer um pode encontrar o seu negócio sem precisar estar próximo ou mesmo conhecer você previamente ou ter uma indicação.

Foto de um homem apoiado em uma mesa com um notebook, segurando uma caneta com ícones de Internet saindo dela, representando a facilidade de trabalhar de qualquer lugar
Facilidade de trabalhar de qualquer lugar

Constante crescimento:

A internet é um campo que está constantemente em crescimento, e esse é um dos benefícios do empreendedorismo digital no Brasil ou em qualquer outro lugar.

De forma simples, o crescimento constante permite que novas ferramentas, possibilidades e parcerias apareçam. O que pode ampliar o seu lucro bem como sua atuação.

Devido a isso, é possível que estar sempre aprendendo mais, ampliando público e itens/serviços/conteúdos.

Negociações rápidas:

Entre os benefícios do empreendedorismo digital no Brasil, está a chance de negociar rapidamente e sem depender da sua atuação.

Isso porque as negociações são automatizadas pelo sistema, sendo feitas diretamente pelo sistema escolhido, ao menos na maioria dos casos .

Essas negociações rápidas permitem que você e o cliente tenham maior facilidade em comprar e já receber o produto/serviço.

Aqui é preciso destacar que: como o conceito de empreendedorismo digital é focar em atuações completamente online, ao efetuar o pagamento você recebe o dinheiro e o cliente o produto.

Investimento inicial e a longo prazo baixos:

Caso você já tenha parado para avaliar os custos de negócios online e empresas, é possível que tenha notado o grande diferencial de valores.

Na maior parte dos casos isso está associado a questões burocráticas, como locação de locais, documentação e outros profissionais, como contadores e advogados.

Ainda que seja essencial pensar com cuidado, o empreendedorismo digital permite que você economize em diversas áreas, além de começar com menos recursos.

Geralmente, os investimentos digitais são voltados para a contratação de domínio e hospedagem, campanhas nas redes sociais e anúncios.

Foto de uma mulher de branco, e com chapéu, no campo, representando a liberdade que se tem ao empreender via internet
Autoconhecimento e liberdade pessoal

Maior liberdade pessoal:

Entre os benefícios do empreendedorismo digital no Brasil, que atrai milhares de iniciantes, está a possibilidade de trabalhar em qualquer lugar e fazer o seu próprio horário.

Essa liberdade atrai o público porque aumenta as chances de viajar, conhecer novos lugares, ir para a cada de familiares e amigos e ainda assim continuar trabalhando.

Do mesmo modo, você escolhe o horário de maior fluxo ou produtividade para trabalhar, evitando os picos de preguiça e permitindo a criação do seu tempo de trabalho.

Empreendedorismo digital – Hotmart – Entenda

A Hotmart é conhecida como uma das maiores plataformas digitais da toda a América Latina, focada principalmente na comercialização de cursos.

Essa plataforma é conhecida por funcionar através do programa de afiliados, ou seja, você se alia a um produtor ou cria os seus próprios infoprodutos para vender.

Nesse caso, você deve se perguntar como o conceito de empreendedorismo digital funciona na Hotmart.

Bom, é relativamente simples.

Conhecer os benefícios do empreendedorismo digital no Brasil permite que você saiba mais sobre a facilidade e liberdade.

Sendo assim, o empreendedorismo digital com a Hotmart permite que você se afie a venda de produtos digitais, seja para complementar ou não a sua plataforma.

Com isso, o empreendedorismo digital com a hotmart faz com que você tenha links para disponibilizar no seu e-commerce, blog, site e outras plataformas. Ganhando comissão em vendas de seus produtos ou de produtos que você se afiliou.

É importante ressaltar que existem diversos formatos de trabalho para produção de afiliado na Hotmart.

Foto de um homem teclando em um teclado pequeno, de um Mac, com papéis  um tablet em sua mesa branca, simbolizando o empreendedorismo digital com a hotmart
Empreendedorismo Digital com a Hotmart

Do mesmo modo, o empreendedorismo digital com a Hotmart permite ampliar os seus ganhos e amplia o conceito de empreendedorismo, indo além de vender apenas aquilo que você produz.

Dica: antes de escolher o produto ideal para fazer parte do seu portfólio de empreendedorismo digital com a hotmart, é importante avaliar o atendimento e informações que os produtores oferecem, além de procurar produtos relacionados ao nicho que você escolheu trabalhar.

Além do mais, avalie as comissões e itens disponíveis para marketing – política do produtor, imagens, copy, lista d look a like, apoio do produtor etc.

Empreendedorismo digital – ideias – Como escolher?

Após aprender sobre o conceito de empreendedorismo digital e seus benefícios, assim como conhecer a Hotmart , é hora de começar o seu negócio online.

Pensando nisso, separei algumas ideias para você iniciar o seu negócio digital:

  • Crie blog ou site com conteúdos, itens para venda e anúncios;
  • Crie vídeos;
  • Crie cursos e e-books para venda;
  • Faça parte de franquias virtuais;
  • Participe de programa de afiliados (veja aqui o meu Guia Para Afiliados) .

Ao mesmo tempo é possível que você se questione sobre quais ideias de empreendedorismo digital são interessantes para você, no sentido de melhores mercados ou nichos.

Nesse aspecto, é preciso avaliar o que você gosta, temas, e aqueles que realmente são rentáveis.

Dentro dessa opção, você pode conhecer o trabalho de afiliado, usando a plataforma Hotmart para recomendar produtos receber comissão por suas vendas.

Seguindo essa linha, algumas pesquisas mostram que o empreendedorismo digital, no que diz respeito à infoprodutos (próprio ou afiliado), está marcado pelas seguintes e principais opções:

Vetor com um notebook, uma lâmpada acesa no meio da tela  outros ícones da Internet saindo da tela, representando Ideias de Empreendedorismo Digital
Empreendedorismo Digital – Ideias
  • Concursos e vestibulares;
  • Pets;
  • Bebês;
  • Saúde e fitness;
  • Alimentação;
  • Exercícios;
  • Beleza;
  • Decoração;
  • Fotografia;
  • Notícias;
  • Emagrecimento;
  • Ganhar Dinheiro;
  • Moda;
  • Relacionamento;
  • Tecnologia e games, entre outros.

Conclusão

Em conclusão, o conceito de empreendedorismo digital é a possibilidade de criar um negócio online que funcione, principalmente, através da rede.

Os benefícios do empreendedorismo digital no Brasil e no mundo são vários, incluindo maios liberdade, trabalho em casa, maior conectividade e outros.

Caso esteja na dúvida, o empreendedorismo digital com a Hotmart, sendo um produtor ou afiliado, é uma opção para conhecer produtos, dar início ao negócio e lucro e saber mais sobre o funcionamento ou aquilo que o público procura.

Logo, existem várias ideias e opções para você explorar, e a chance de escolher nichos mais lucrativos.

Ufa, é isso. Não se esqueça de comentar aqui embaixo e até o próximo artigo!

Quantos Artigos Você Deve Publicar No Seu Blog Por Semana

Quantos Artigos Você Deve Publicar No Seu Blog Por Semana

Com que frequência você deve publicar no seu blog? Essa é uma dúvida comum para donos de blogs e sites ou mesmo para pessoas e empresas que ministram redes sociais.

Pensando nisso, esse artigo é voltado para você, que também fica com essa questão em mente ou mesmo não sabe como postar no seu blog.

Aqui você vai descobrir os principais pontos de destaque para colocar em ação o seu Blog e garantir o alcance que sempre quis.

Vamos lá?

Foto, com um filtro amarelo, de uma pessoa com uma máquina de escrever retirando um papel com um texto, e um símbolo de um blog à esquerda, simbolizando como publicar no seu blog
Como Postar no Seu Blog

Primeiros passos de como publicar no seu blog

Para dar início a uma conversa sobre frequência de postagens, existem alguns assuntos que precisam ser levantados previamente.

Aqui se encaixam questões de como postar no blog e porque ou como colocar link no meu blog.

Assim, tudo começa com as informações e a base da plataforma que você já possui.

Tenha calma e vá por partes.

Caso você já tenha uma plataforma com conteúdos e algum tráfego, é importante pensar quem é o público ativo e o que estão buscando, novas opções de usuários/leads bem como postagens disponíveis para consumo.

Porém, caso você esteja desenvolvendo tudo agora, é importante pensar no público que você quer atingir e como publicar um post no blog capaz de gerar audiência.

De qualquer maneira, o foco deve permanecer no público e no objetivo do seu Blog.

Saber como publicar no seu blog envolve já ter o conteúdo criado e fazer as alterações necessárias, algo definido como otimização para motores de busca, ou SEO, par garantir que o seu artigo seja bem posicionado no Google.

Dentro dessa perspectiva, surge a questão de como colocar link no meu blog ou mesmo porque você deveria fazer isso.

Em suma, os links servem para direcionar o público, funcionando como um tipo de looping.

Em outras palavras, você adiciona links para que eles conheçam mais algum conteúdo do seu blog, aumentando os views e o tempo de permanência no seu site, o que aumenta a sua relevância no Google e melhor o seu posicionamento no resultado de buscas.

Ou mesmo para que eles conheçam um produto ou parceria sua, como empresas e itens de afiliado.

Inicialmente, a dica de como postar no seu blog é escrever os conteúdos focados em qualidade e utilizar plug-ins de SEO, como o Yoast ou Rank Math (que é o plugin que estou usando nesse Blog), para ir avaliando alterações que precisam ser feitas, como uso de palavras frases ou redução dos parágrafos.

Vetor, com fundo rosa, de uma mesa om um monitor e livros, onde um braço mecânico está incluindo um post no blog
Quantos Artigos Você Deve Publicar No Seu Blog Por Semana

Frequência de posts: quantos artigos você deve publicar no seu blog por semana?

Chegando ao tópico que dá título a esse post, a resposta pode surpreender, mas é bastante simples: depende.

Antes de definir um número, existem alguns fatores que você deve avaliar, sendo eles:

O que você produziu até este instante:

Depois de saber como postar no seu blog, é possível que você tenha dado o pontapé inicial e realizados algumas postagens.

Esse número, de posts no caso, pode ser dividido em dias ou semanas, dependendo da sua capacidade criativa ou mesmo de quantas pessoas pagou para produzirem algo.

Tendo em mente isso, saiba quanto você produziu de acordo com o tempo que o seu blog está no ar.

Quais os resultados métricos que foram alcançados:

Ao dar início a ação de publicar no seu blog, é possível que você tenha notado o aumento no fluxo, algo chamado de tráfego orgânico. Caso não saiba como, você deve usar o Google Analytics para acompanhar o tráfego do seu site.

Então, quais foram as métricas ou qual o número de pessoas que acessou todos os seus conteúdos ou de maneira separada.?

Mais importante que isso, qual foi o número de visitas que você recebeu a cada semana ou mesmo nos dias de postagem e dias sem posts?

Essas são questões que precisam ser levantadas, anotadas e colocadas em perspectiva.

Vetor com pessoas em um local tecnológico, como dentro de um computador futurista, com telas de email e sites, representando a Web o impacto de como colocar um link no meu blog.
Como colocar um link no meu blog – Impacto dos links

Impacto dos links:

Depois de descobrir como colocar link no seu blog, os números foram diferentes?

Essa questão deve ser pensada para saber se as parcerias ou direcionamento de público para outros conteúdos estão funcionando ou não.

Se a resposta for positiva, você sabe que deve continuar, mas, se for negativa, é possível descobrir o que está sendo feito de errado e como melhorar isso.

Existem outros formatos de divulgação:

Além de publicar no seu blog, você deve avaliar se faz postagens em outros locais, seja para direcionar o público ou mesmo para mostrar que a sua plataforma existe.

Esses formatos de divulgação, como anúncios ou posts em redes sociais, têm impacto significativo nos blogs e aumenta a visibilidade, sendo essenciais para o sucesso.

Avaliando esses pontos, você já consegue ter uma ideia mais clara sobre o funcionamento do seu Blog bem como do seu público, o que facilita na hora de responder à questão do título.

Mas, o destaque vai para a seguinte questão, que deve ser respondida de maneira sincera:

Qual a quantidade de conteúdos ou posts de qualidade você seria capaz de entregar por dia?

Entenda o conceito da teoria

Em teoria, donos de blogs, sites e até aqueles que ministram cursos adoram falar sobre números para publicar no seu blog, mas a verdade é que não existe uma resposta exata e toda a questão depende.

E depende exatamente da quantidade de posts de qualidade que você é capaz de oferecer.

Por exemplo, se você consegue produzir um bom texto por dia, porque fazer posts menos relevantes ou que não nutrem o seu público?

A soma de conteúdos menos interessantes não faz sentido e não gera credibilidade. Sendo muitas vezes, ignorado.

Ainda assim, seria legal saber como postar no seu blog com mais frequência? Seria.

E como fazer isso?

Foto de uma mulher, executiva, pensando...
E como fazer isso?

Bom, você pode abordar diferentes assuntos, contratar diferentes freelancers para produção de posts ou até diversificar um pouco a temática, ainda dentro do nicho.

Para ficar fácil de entender, suponha que o seu blog é sobre ganhar dinheiro na internet e você já tenha falado sobre dicas de como ganhar dinheiro, plataformas ou mesmo ensinar como colocar um link no meu blog.

Diante disso, surge a dúvida do que mais oferecer para um público que já tem a base de conhecimento e já está colocando suas dicas em prática.

O seu foco, então, pode ser ensinar como publicar no seu blog artigos com maior qualidade e otimizados, dicas para se motivar, como aumentar a produção diária ou mesmo mitos e erros que o iniciante comece.

Esse conceito por trás da teoria de publicar um post no blog é entender que existe um universo inteiro a ser explorado e você não deve se limitar.

E, para isso, com o que falei acima, você pode construir a sua Pauta de Conteúdo. Saiba mais neste artigo.

A matemática dos números de posts para blog

Em geral, a regra é: quanto mais especifico um assunto, menor o número de postagens na semana.

Seguindo o exemplo acima, de que você atua em nicho de ganhar dinheiro na internet, é possível publicar um ou mais conteúdos por dia.

Por outro lado, se você atua diretamente com dores nas costas, um artigo na semana pode ser o bastante para nutrir o público.

Dessa forma, uma dica é evitar restringir muito o conteúdo, já que isso limita na hora de publicar no seu blog.

Na hora de escolher o nicho ou temática do seu negócio, conte com a questão de quantidade de conteúdo disponível que seja interessante, para que você construa uma plataforma rica não apenas em número, mas em qualidade de conteúdo e possibilidade.

Em relação ao tamanho dos artigos ou de como publicar um post no blog com tamanho ideal, é preciso pensar em meio termo: para conseguir otimizar e garantir a leitura.

Foto de uma pessoa digitando em um teclado branco, em uma mesa branca, com objetos ao lado. , executiva, pensando...
A matemática dos números de posts para blog

Geralmente, a dica é focar em artigos que variam de 900 a 1.500 palavras (ou mais), para conseguir construir e explicar o assunto, e ser considerado relevante para o Google.

Porém, você também pode desenvolver artigos menores e focados em apenas uma temática ou maiores, para ensinar um passo-a-passo, por exemplo.

Sempre lembrando que o importante é a experiência do usuário no seu Blog. Por isso a importância do tamanho, qualidade e relevância dos artigos.

Ah, e diversificar, nesse caso, é a melhor alternativa.

Conclusão

Enfim, você deve publicar no seu blog o número de artigos que conseguir produzir, sempre garantindo a qualidade e pensando no consumo do seu público.

Além do mais, é essencial saber como colocar um link no seu blog , saber como postar no seu blog de acordo com as técnicas de SEO – analisando os números e fazendo os acertos ou correções necessárias.

E sempre tenha conteúdo novo. E atualize os seus artigos, pois o Google adora conteúdo atualizado!

Então, ficou alguma dúvida? Comenta aqui embaixo para que eu possa lhe ajudar!

13 Maneiras de Trabalhar Pela Internet No Seu Tempo Livre

13 Maneiras de Trabalhar Pela Internet No Seu Tempo Livre

Você já parou para pensar como seria trabalhar pela internet no seu tempo livre e garantir aquela renda extra que pode salvar o seu fim de mês?

Seguindo essa linha, trabalhar pela internet em 2019 é algo totalmente possível e até fácil, quando você começa a conhecer o mercado.

Nesse artigo você vai conhecer maneiras e plataformas para trabalhar online que podem mudar a sua vida.

Então, está preparado?

Imagem em vetor com uma mulher e um homem se cumprimentando com janelas de gráficos e mapa ao fundo, simbolizando a ação de trabalhar pela Internet como afiliado.
Trabalhar pela Internet – Marketing de Afiliado

1 – Marketing de Afiliados

Para começar essa lista de como trabalhar online, nada melhor que conhecer o Marketing de Afiliado, uma das apostas para esse ano e método mais garantido.

De início é preciso ressaltar que existem diversas plataformas para trabalhar online no Marketing de Afiliado, sendo que a Hotmart, Monetize, Eduzz e Amazon estão entre as mais conhecidas.

Mas André, o que eu preciso fazer?

Basicamente, no marketing de afiliado, você vai ganhar dinheiro, que são comissões, através da divulgação de produtos, marcas ou mesmo empresas.

Se trata então, de um tipo de relação comercial, que pode funcionar através da venda de um item, preenchimento de formulários, cliques, entre outras opções.

Ficou interessado? Aprenda mais sobre Marketing de Afiliados no Guia que eu escrevi:

Como Ser Um Afiliado: Guia Simples e Direto.

2 – Criador de Conteúdo

Uma das formas de trabalhar pela internet em 2019 é sendo um criador de conteúdo, popularmente conhecido como freelancer.

Dessa maneira, o seu trabalho consiste em desenvolver projetos escritos para donos de sites, blogs ou mesmo empresas e redes sociais, geralmente com foco em gerar tráfego orgânico.

O criador de conteúdo é uma das formas mais rápidas dessa lista, já que se trata de um trabalho remunerado de curto prazo, pois ao fechar e entregar um projeto você já recebe o seu pagamento.

As plataformas para trabalhar online como criador incluem a Workana, 99Freelas, VinteConto, Freelancer, entre outras.

3 – Tradutor de Conteúdos

Caso você domine uma língua, como o inglês, a dica é trabalhar pela internet com a tradução de textos, seguindo inclusive as plataformas citadas no tópico acima.

Acontece que milhares de pessoas procuram freelancers capazes de traduzir todos os tipos de conteúdos, sejam artigos, livros, cursos, apostilas e muito mais.

E, em um mundo globalizado, conectado e sem fronteiras virtuais, qualquer pessoa pode vender produtos ou serviços digitais para qualquer lugar do mundo, o que aumenta a demanda por Tradutores de Conteúdo.

Imagem vetorial com um monitor escrito ECOMMERCE e um carrinho de compras,  vários produto em uma elipse saindo do monitor e entrando no carrinho de compras
Venda de Infoprodutos

4 – Vendedor de Infoprodutos

Outra maneira de como trabalhar pela internet no seu tempo livre é através da venda de infoprodutos, que são os famosos produtos digitais, como e-books e cursos.

Dentro dessa oportunidade você pode se aliar a plataformas para trabalhar online, como a Hotmart, sendo um afiliado, ou criar o seu próprio produto. Ambas as opões dependem de marketing em outras redes como sites, blogs e e-commerce.

5 – Crie um site ou blog

Entre as opções famosas de como trabalhar pela internet em 2019 é criando um site ou blog.

E como ganhar dinheiro assim, André?

Bom, você pode disponibilizar conteúdos e monetizar a página através de anúncios ou vender Infoprodutos. Sendo que as parcerias também valem a pena.

Caso precise ajuda, eu posso te ajudar a montar o seu Blog ou o seu Site.

6 – Monte uma Loja Virtual

Ainda que a temática vender produtos para trabalhar online já tenha sido citada, vale a pena ressaltar que criar uma Loja Virtual pode facilitar a sua vida.

Essa loja pode incluir produtos digitais ou físicos, como artesanatos ou mesmo um brechó.

Acredite, vale praticamente tudo, desde que seja licito.

7 – Venda as suas Fotos

Poucas pessoas sabem e utilizam esse formato de negócio, mas a verdade é que existem diversas plataformas para trabalhar online onde você pode vender as suas fotos.

Chamados de bancos de imagens, essas redes incentivem o comércio de fotos justamente porque donos de sites, blogs e empresas querem imagens exclusivas.

Vale dizer que a venda de fotos vale desde imagens com câmeras profissionais e tratadas, até aquelas mais comuns, tiradas através de um smartphone.

8 – Ofereça Consultoria

Foto de uma mão segurando um celular em um app de bate-papo e um notebook com um programa de email aberto
Trabalhar pela Internet oferendo consultoria

Você sabe muito sobre algum assunto, como ações de marketing, estratégias de mercado ou outras que possam melhorar a atuação de um negócio ou empreendedor?

Bom, então, você pode trabalhar online prestando consultoria.

A consultoria é uma opção ideal para dar início à sua marca e reconhecimento no mercado através daquilo que você sabe fazer.

E acredite, alguém está à procura de um profissional como você. Eu, por exemplo, ofereço serviços de Marketing Digital.

9 – Ofereça Aulas Particulares

O oferecimento de aulas particulares pode ocorrer em plataformas para trabalhar online, em um blog/site, nas mídias sociais ou qualquer outro local da rede.

Afinal, existem pessoas dispostas a pagar para que você as ensine de uma maneira mais prática e simples, sem que elas precisem sair de casa.

Dá para trabalhar pela internet em 2019 atuando como professor (a), seja através de vídeos, e-books, cursos, caixas de mensagem ou em qualquer outro formato.

10 – Revenda Produtos Importados

Entre as opções de trabalhar pela internet que estão em alta no último ano, está a revenda de produtos importados.

Isso porque muitos itens não são encontrados no Brasil ou os preços absurdos dificultam a compra.

Assim, você pode comprar e revender ou fazer os pedidos após encomenda.

Nesse quesito, vale a pena conhecer o Dropshipping.

11 – Seja um Especialista em SEO

SEO, ou otimização para motores de busca, é uma temática que está sempre em alta, já que aumenta as chances de uma página/empresa ser reconhecida através de estratégias focalizadas, como o Marketing de Conteúdo.

Entretanto, é fato que muitos freelancers não sabem realmente como utilizar esse recurso, fazendo com que os conteúdos fiquem extremamente cansativos ou apelativos.

Inclusive, ser um especialista de SEO permite que você seja contratado por donos de sites ou blogs que já possuem conteúdos, mas precisam fazer revisões para aumentar o tráfego orgânico.

Por isso, você pode trabalhar pela internet em 2019 sendo um especialista nessas técnicas, seja durante a criação do site/conteúdo ou para revisão e correções.

Foto de um homem com um celular deitado na mão, e um círculo acima do celular com o símbolo de um robô de call-center
Assistente Virtual

12 – Assistente Virtual

Com o avanço da internet, milhares de empresas ou até consultórios e empreendedores acabam precisando de um apoio para diversas funções.

Por exemplo para organizar agenda, fazer ou atender ligações, marcar reuniões, fazer entrega de documentos, gerenciar mídias digitais, entre outras.

Como resultado, você pode trabalhar pela internet sendo um assistente ou secretário virtual.

Geralmente, esse tipo de trabalho é divulgado em diferentes plataformas para trabalhar online, como a Workana, 99Freelas, VinteConto, Freelancer .

Porém, você também pode criar uma rede social para divulgar o seu trabalho na internet e contatar empresas de maneira direta.

O ideal para isso é fazer cursos, na internet mesmo, e criar um currículo com especificações, como uso de excel, informática básica, entre outras opões.

É importante ressaltar que cada empresa/site pode precisar de um tipo de trabalho.

Assim, a conversa será a base para definir o que precisa ser feito, valores, horários de trabalho, entre outras questões.

Foto de uma mulher feliz no seu trabalho pela Internet em um notebook
Serviços e atuações gerais

13 – Serviços e Atuações Gerais

Para finalizar esse artigo de como trabalhar pela internet ou maneiras de fazer uma renda extra no tempo livre, vale a pena incluir demais atividades.

Em suma, todo tipo de ação pode ser procurada e oferecida na rede, inclusive nas plataformas para trabalhar online ou nas mídias sociais.

Dessa maneira, você pode trabalhar como editar de vídeos/fotos, produção de imagens e animações, criador de e-books e cursos ou mesmo como designer.

Se você tiver conhecimento para criar e desenvolver sites ou blogs, resolver bugs de sistema e demais ações como programador, as chances também são enormes.

Isso também vale para trabalhos manuais, como concertos e artesanatos.

Afinal, trabalhar pela internet traz a possibilidades de você oferecer aquilo que sabe e encontrar alguém que estava a sua procura.

Conclusão

Em conclusão, trabalhar pela internet em 2019 traz a chance de você fazer qualquer tipo de atividade que sabe, recebendo por isso no seu tempo livre em um mercado que fica 24 horas por dia, sete dias da semana, disponível.

Então, pare de perder tempo e se alie as plataformas para trabalhar online, comece a criar a sua imagem digital e alcance o seu sucesso e até independência financeira.

Até o próximo artigo!